6695/2018: Moção de louvor e reconhecimento à Monica Benício

MOÇÃO Nº 6695/2018
EMENTA:MOÇÃO DE LOUVOR E RECONHECIMENTO A MÔNICA TEREZA AZEREDO BENÍCIO.
Autor(es): VEREADOR DAVID MIRANDA

REQUEIRO à Mesa Diretora, na forma regimental, seja consignada, nos Anais desta Casa de Leis, Moção de Louvor e Congratulações a Mônica Tereza Azeredo Benício.
A Declaração Universal dos Direitos Humanos, promulgada pela Organização das Nações Unidas em 1948, define que todo ser humano tem uma série de direitos que devem garantir um padrão de vida e o bem-estar de todos os indivíduos.

Entretanto, a garantia de direitos fundamentais não é igual para todos. Existem grupos e populações que se encontram em condição de maior vulnerabilidade e/ou marginalizados, com mais dificuldade de acessar seus direitos. A população LGBT+ é um deles.

A execução brutal da vereadora Marielle Franco e do motorista Anderson Gomes chocou a todos. Mulher, negra, mãe, bissexual, cria da favela da Maré, socióloga e eleita com mais de 46 mil votos. Sua voz representava muitos em muitas e não será jamais silenciada.

Por isso, gostaríamos de homenagear, com uma moção de louvor e congratulações, a arquiteta Mônica Tereza Azeredo Benício, que, apesar da barbárie, está enfrentando essa situação e segue firme com disposição para lutar e fazer o possível para honrar a memória e o trabalho da mulher extraordinária que foi Marielle.

Plenário Teotônio Villela, 10 de maio de 2018.

VEREADOR DAVID MIRANDA
PSOL