David Miranda (deputado federal PSOL/RJ)

Comlurb volta do feriadão com troca em massa de cargos de confiança
xcomlurb-volta-do-feriadao-com-troca-em-massa-de-cargos-de-confianca.-foto-reproducao.jpg.pagespeed.ic.L3gQ-8cxxv

Comlurb volta do feriadão com troca em massa de cargos de confiança

No Diário Oficial desta terça-feira (21), foram publicadas mais de 130 trocas, entre dispensas e designações — todas de empregos de confiança.

22 de novembro de 2017, 20:27
Extra

Por Jornal Extra | 21.11.17

A volta do feriadão pode ter um sabor doce ou amargo para os trabalhadores da Companhia Municipal de Limpeza Urbana, a Comlurb.

No Diário Oficial desta terça-feira (21), foram publicadas mais de 130 trocas, entre dispensas e designações — todas de empregos de confiança.

Entre o pessoal que perdeu ou ganhou emprego, ou simplesmente mudou de função dentro da estatal, estão coordenadores, diretores, assessores e até técnicos de informática.

Mas sabe-se lá quanto tempo todas as nomeações vão durar: duas semanas atrás, a Câmara aprovou uma lei que pode custar a cabeça do presidente da Comlurb, o ex-secretário de Conservação Rubens Teixeira.

Como ele foi candidato a vereador em 2016, seria atingido em cheio pela lei, que cria uma quarentena para políticos e pessoas diretamente envolvidas em campanhas eleitorais, impedindo sua nomeação para altos cargos nas empresas e autarquias municipais.

A lei ainda não foi aprovada pelo prefeito Marcelo Crivella (PRB), mas o alcaide vai se ver em situação complicada para vetar o texto: o projeto do vereador Junior da Lucinha (PMDB) copia tintim por tintim a lei federal das estatais, a 13.303/2016.

Teixeira passou para a berlinda depois de proibir os superintendentes regionais de atender a pedidos dos vereadores, dizendo que todas as reclamações teriam que ser encaminhadas pela ouvidoria.

David Miranda - deputado federal PSOL/RJ

Muito obrigado! Seu cadastro foi realizado com sucesso. Nos próximos minutos você deve receber um e-mail de confirmação.

Tirar Bolsonaro para salvar o país: Impeachment já!

Fernanda Melchionna, Sâmia Bomfim, David Miranda, Luciana Genro, intelectuais, movimentos e parlamentares de todo o Brasil protocolam pedido de impeachment.

Apoie o impeachment